segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Maratona Eleitoral

Então é assim! Pela primeira vez, em 13 anos de residência em Portugal, fui votar para Presidente da República. Dias antes, enviei um SMS para saber o meu número de eleitor, quando enviaram a informação em questão de segundos e o local para votar seria: "Lisboa, Cascais - Alcabideche".

Fui a uma escola na zona onde moro (fechada). Segui para o centro de Cascais, tudo às moscas. Junta de Freguesia? Só na Escola Secundária de Cascais no Bairro do Rosário. Chegando lá, filas quilométricas e quando chegou minha vez, ouvi um sonoro... não é cá. O seu número de eleitor pertence a zona eleitoral da Escola Secundária de Alcabideche.

Sigo para Alcabideche, outra fila quilométrica e quando chega minha vez...peço imensas desculpas, mas houve uma alteração de última hora e sua zona de votação é na Amoreira.
Conto de 1 até 10, temperatura a rondar os 5ºC e para conhecimento geral, a zona da Amoreira fica a uns minutos da minha casa.

Conclusão: Cheguei lá a tempo, fiz todo este percurso de autocarro, não gastei 1 minuto para votar e ainda deu "Cavaco" na cabeça.
Ninguém merece!

2 comentários:

MARIINHA disse...

Mas que grande confusão e você nunca desistiu. Os meus parabéns pelo empenho e espírito cívico.
Marcinha e depois disso tudo levar com umm "cavaco" em cima. Não merecia, não! Nem você nem eu!

Hahahahah

Marcia P. disse...

Pois é, Mariinha! Já que me foi concedido este direito, não podia faltar. Achei até falta de respeito para com o eleitor, mas se queremos agilidade do governo, então é através do voto que podemos mudar alguma coisa, e não ficar em casa e passar a vida a reclamar. O povo não sabe o poder que tem nas mãos.